WOOF, Berds!

Vamos levar cultura pra esse povo? 😉

A dica de hoje é sobre TOM OF FINLAND,  o famoso artista finlandês que ficou conhecido por suas icônicas imagens homoerõticas hipermasculinizadas. O filme foi escolhido para representar oficialmente a Finlândia na categoria de “Melhor Filme Estrangeiro” do Oscar.

Dirigido por Dome Karukoski, o filme segue Touko Laaksonen, um oficial condecorado, quando ele retorna para a Finlândia depois de lutar pelo seu país na Segunda Guerra Mundial. Mas a vida em tempos de paz prova tão angustiante quanto o tempo nos campos de batalha na Europa. Laaksonen encontra na capital de seu país , Helsinki, uma desenfreada perseguição a homossexuais e vê muitos homens ao seu redor pressionados a casarem-se com mulheres e ter filhos. Touko encontra refúgio em sua arte, desenhos homoeróticos de homens musculosos, sem inibições.

Foi na Califórnia onde ele e seu trabalho foram finalmente abraçados, em meio à revolução sexual dos anos 70. Sua obra – famosa por sua assinatura ‘Tom of Finland’ – tornou-se o emblema de uma geração de homens e provocou as chamas do imaginário gay.

Confira o trailer:

A história de Tom é de amor, coragem e perseverança, refletindo o movimento de libertação homossexual que os seus parafusos revestidos de couro procuravam retratar.


Um aviso importante: o filme estará em cartaz no 19º Festival do Rio na mostra Panorama do Cinema Mundial. O Festival acontece de 5 a 15 de outubro e você confere a programação completa no site oficial.